21
fevereiro

Mulher! Essa notícia eu precisava compartilhar com você! Uma pesquisa da universidade britânica King’s College London, recentemente divulgada, revelou um novo malefício de dormir pouco ou mal. Os pesquisadores constataram que ter menos de sete horas de descanso por noite pode aumentar o apetite das pessoas, atrapalhando o processo metabólico de emagrecimento ou manutenção de peso.

A razão disso, segundo os pesquisadores, é que uma noite de sono interrompido afeta hormônios relacionados à fome. Além disso, a pesquisa sugere que, quando exposto à comida em um estado de privação do sono, há uma ativação maior em áreas do cérebro do indivíduo, associadas com recompensa, fazendo com que alimentos ricos em açúcar e gordura sejam escolhidos.

 

 

 

Malhar e Sonhar – E se você pratica exercícios físicos durante o dia, também precisa dormir bem! Isso por que após os efeitos que as atividades impõem ao corpo, é necessário um período de recuperação. E é durante o sono que os efeitos do treinamento aparecem! “Quem visa o aumento de massa muscular, se beneficia do aumento de produção do GH (hormônio do crescimento), que ocorre quando estamos dormindo, após um dia de treinamento”, explica Sandro Matas, neurologista da Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo.

Benefícios – Dormir bem aumenta a disposição, capacidade de concentração, estimula a memória e o bom humor. Em longo prazo, o sono de qualidade ajuda a prevenir doenças cardiovasculares, diabetes, obesidade e até mesmo câncer. “O sono reparador também facilita a aprendizagem de novos conceitos, evita irritabilidade e alguns tipos de dores de cabeça”, explica o médico.

Acorda cansada?– Se você é daquelas que, mesmo dormindo oito horas ou mais, se queixa de acordar cansada e indisposta, isso pode acontecer por dois motivos. “Existem pessoas que precisam de mais de oito horas para ter um sono reparador, podendo chegar até a doze. Outra possibilidade é alguma doença ou condição que atrapalha o descanso, como, por exemplo, a apneia obstrutiva.” O tempo ideal depende da idade e do ritmo biológico de cada indivíduo. Entretanto, menos de cinco horas pode ser prejudicial, orienta o médico.

Vilões do sono – “O lugar no qual repousamos deve ser higiênico, ou seja, escuro e sem interferências sonoras, de forma a permitir um sono sem interrupções e sustos. Também é importante evitar alguns costumes considerados ruins, como fazer uma refeição muito pesada antes de ir deitar-se, consumir produtos ricos em cafeína e açúcar, fumar ou consumir bebidas alcóolicas”, ensina o especialista.

E você, mulher, dorme bem ou sofre para dormir?

Agora que tem comprovação científica que dormir emagrece, tá na hora de ir sonhar bem! Hein!

Um super beijo,

Mari Saad


Sigam-me nas redes sociais!

Receba novidades do blog em primeira mão
no meu Facebook!

Inscreva-se no meu canal!
Vídeos inéditos todas segundas, quartas e sextas



Fique pertinho do meu dia a dia no meu Instagram



Inspire-se comigo no Pinterest



Todas as novidades do blog lá no Versy!

Lojas que recomendo

Publicidade